Blog Abismo Anhumas

O que fazer em Bonito no Dia (e mês) dos Namorados

O que fazer em Bonito no Dia (e mês) dos Namorados

06.06.2018.

Uma viagem a dois, especialmente para comemorar uma data especial, é sempre uma boa pedida. E o mesmo vale para o Dia dos Namorados que se aproxima. Oficialmente a data é comemorada no dia 12 de junho, mas essa celebração pode se estender ao longo do mês ou nem ter data definida. Afinal, estar com o seu amor já é motivo para festejar, não é mesmo?

Por isso, independente de quando, preparamos um roteiro romântico com lugares para você e seu companheiro (a) conhecerem nessa cidade aconchegante, com uma imersão na natureza, aventuras e muito romance. Confira a seguir.

Parque Ecológico Rio Formoso

Se você procura beleza, estrutura e muitas atividades em um único lugar, conheça o Parque Ecológico Rio Formoso. Já no receptivo, tem uma lagoa linda! O lugar é palco de passeios de boia cross, flutuação e um famoso passeio de cavalgada, com parada para banho. As águas do rio são claras e os peixes abundantes. Tudo isso garante cenários incríveis para você curtir momentos inesquecíveis de diversão a dois.

Buraco das Araras

Você deve estar se perguntando o que romance e araras tem a ver… É que uma curiosidade interessante dessas aves é que elas sempre estão voando em casal. As araras – sejam elas canindé, arara-vermelha ou arara-azul – ficam com o mesmo parceiro para o resto da vida. Não é lindo?

Somente com a morte de um deles é que o outro passa a viver só. E mesmo depois disso, elas dificilmente eles arrumam um outro parceiro sexual. É claro que isso não se aplica necessariamente a espécie humana, mas não podemos deixar de concordar que é romântico, não é?

Brincadeiras à parte, a oportunidade de conhecer o Buraco das Araras é incrível. O espaço chega a ter 60 casais em algumas épocas do ano. Vê-las voando livre e lindamente arrepia, assim com os sons que elas emitem!

Rio da Prata

Esse é um dos principais atrativos do pólo turístico de Bonito, que inclusive atrai muitos turistas estrangeiros. As águas cristalinas e cheias de espécies de peixes do Rio da Prata são uma ótima oportunidade para curtir um dia mais calmo a dois, fazendo, além da flutuação, um descanso nas redes da fazenda, almoçando a comida preparada à lenha e, de sobremesa, se esbaldar em um doce de leite muito saboroso preparado ali mesmo. Também vale conhecer as iniciativas sustentáveis do Grupo Rio da Prata. É só pedir para um dos monitores apresentá-las a vocês.

Para os casais mais inspirados e que querem der um passo à frente na relação, vale até um pedido de noivado sobre as nascentes de águas cristalinas. Por que não? Fica a dica!

Tapera e Aipim

Romance que é romance não existe sem comida. Afinal, comer está entre um dos grandes prazeres da vida. Por isso, indicamos dois restaurantes de Bonito para quem quer curtir um clima mais intimista, degustar um bom vinho e provar as delícias típicas da região. São eles: o Tapera e o Aipim.

Ambos oferecem um cardápio bem original e atendimento impecável, tendo ótimas recomendações no TripAdvisor. Daí, a escolha fica ao seu critério, inclusive, para estádias mais longas, vale conhecer os dois mesmo.

Abismo Anhumas

E, claro, para a cota de aventura do nosso roteiro, não poderia faltar o Abismo Anhumas, né?! O atrativo, além de uma beleza exuberante, que por si só garante uma transformação pessoal a cada um dos visitantes, pode ser uma ótima experiência para realizar a dois. E a gente explica: além da grandiosidade, imensidão e poder da natureza local, é um belo exercício de superação e parceria (Confira aqui 10 coisas que você precisa saber antes de se aventurar por lá).

Inclusive, como a descida e a ascensão (técnica de subida por rapel) são feitas em duplas, você pode ficar frente a frente com o seu amor em todo o percurso, assim como na flutuação e outros momentos lá em baixo.

Assim, terminamos as nossas dicas de roteiro para o Dia dos Namorados. Esperamos que você tenha gostado e que venha nos visitar. Além disso, lhe desejamos muito, muito amor! Até a próxima!

Author: